Mulher barbuda

Começou no meio do inverno. Quase todo dia, as duas passavam por mim, a caminho do escritório. A mãe carregava a bebê de frente, num canguru. No começo, a pequena chorava desesperadamente, afinal, ninguém estava feliz em tomar aquele frio de 0°C na cara. A mãe, vestida de executiva, tentava não se incomodar, mas era... Continue Reading →

Advertisements

Powered by WordPress.com.

Up ↑